Notícias locais

5 de dezembro de 2018

FecomercioSP lança ferramenta que estima vendas para empresas do varejo paulista


projeta

Estimar as vendas dos próximos meses é um recurso importante para a manutenção equilibrada dos negócios. Se seu escritório atende empresários do varejo paulista, conheça a plataforma Projeta, uma ferramenta elaborada pela FecomercioSP, voltada para contadores, que permite ter prognósticos de faturamento para os próximos três meses da empresa, baseados em critérios técnicos. O Projeta está disponível para todas as empresas varejistas do Estado de São Paulo com pelo menos cinco anos de atuação.

A ferramenta funciona com base no banco de dados da Pesquisa Conjuntural do Comércio Varejista (PCCV), elaborada mensalmente pela Entidade há 48 anos. Ao informar o faturamento dos últimos 60 meses, período necessário para uma avaliação razoável sobre o empreendimento, a plataforma estima as vendas da empresa para os próximos três meses e também para o ramo de atividade em que atua e para a região em que se localizada no Estado de São Paulo.

A PCCV conta com dados da Secretaria da Fazenda do Estado de São Paulo (Sefaz/SP) sobre todas as empresas varejistas que atuam em território paulista. O estudo divide o varejo em nove atividades, e o Estado, em 16 regiões.

Para usar a ferramenta, é preciso que você informe, além do histórico de faturamento do seu cliente, o ramo de atuação, a região em que a empresa realiza suas operações, o CNPJ e a razão social. Vale destacar que é somente necessário informar o faturamento dos últimos 60 meses ao utilizar a ferramenta pela primeira vez, bastando cadastrar os dados mais recentes para obter prognósticos subsequentes.

A FecomercioSP ressalta que instrumentos semelhantes ao Projeta são utilizados por grandes empresas a um custo elevado. Com base nas estimativas da plataforma, é possível antecipar decisões de gerenciamento do negócio, como capital de giro, nível de estoque, quadro de pessoal e endividamento.

O serviço é gratuito e pode ser utilizado aqui. A FecomercioSP salienta que todas as informações inseridas no sistema são mantidas em sigilo e somente utilizadas para os cálculos das estimativas.
Voltar para Notícias